VESTIBULAR DO CURSO DE MEDICINA DE INDAIATUBA DA UNIMAX ACONTECE NO DIA 03/02

VESTIBULAR DO CURSO DE MEDICINA DE INDAIATUBA DA UNIMAX ACONTECE NO DIA 03/02

Prova será no domingo, às 9h30, no campus I do Centro Universitário Max Planck

O novo vestibular para o curso de Medicina da UniMAX – Centro Universitário Max Planck de Indaiatuba acontece no dia 03 de fevereiro de 2019, domingo, às 9h30, no campus I, que fica na Avenida 9 de dezembro, 460 – Jardim Pedroso. As inscrições podem ser feitas pelo link https://vestibularmedicina.poliseducacional.com.br/Inscricao.aspx?etp=1

Avaliado como um dos 14 melhores entre mais de 300 instituições de ensino em todo o país, o curso de Medicina de Indaiatuba obteve do MEC (Ministério da Educação) nota máxima (5) em todas as dimensões analisadas: projeto pedagógico, coordenação, corpo docente e infraestrutura. Ao todo foram mais de 70 itens avaliados.

Essa conquista é resultado de uma jornada de cerca de cinco anos de dedicação, cujo trabalho foi encabeçado pelo Reitor do Centro Universitário Max Planck, professor Dr. Ricardo Jorge Tannus, e conta com parcerias com o HAOC (Hospital Augusto de Oliveira Camargo), o Hospital Sírio-Libânes e Prefeitura de Indaiatuba.

Autorizado pela Portaria 786 de 01/11/2018 publicada no Diário Oficial da União no dia 06 de novembro, o curso de Medicina de Indaiatuba é coordenado pela professora Dra. Valéria Vernaschi Lima. A graduação oferece uma formação profissional diferenciada que alia ciência, tecnologia e humanização. “A preparação dos futuros profissionais para enfrentarem os desafios da prática médica no século XXI privilegia o desenvolvimento de capacidades éticas, científicas, de autonomia, de aprendizagem ao longo da vida, de trabalho em equipe e de responsabilidade social e ambiental”, explica a coordenadora.

Dra. Valéria destaca que para dar respostas às necessidades da formação médica no mundo contemporâneo, o currículo do curso de Medicina de Indaiatuba é orientado por competência (Diretrizes Curriculares Nacionais de 2014); baseado em metodologias ativas de ensino-aprendizagem; integrado (básico-clínico; teoria-prática; simulação-realidade; ciência-arte); articulado (atividades curriculares obrigatórias,  complementares, optativas e eletivas); desenvolvido em cenários reais do Sistema de Saúde e; avaliado continuamente com foco no desenvolvimento de competência.

Para isso, os recursos educacionais da UniMAX contam com biblioteca, espaços de autoaprendizagem, laboratórios básicos, de habilidades clínicas e de gestão da clínica equipados com tecnologia de ponta que dão suporte à construção dos conhecimentos. “A combinação de práticas simuladas e reais, além do uso de metodologias ativas são estratégicas para o desenvolvimento contextualizado do conhecimento profissional. Os docentes trabalham com os estudantes distribuídos em pequenos grupos e equipes, acompanhando o desenvolvimento de cada um”, salienta Dra. Valéria.

A coordenadora revela, ainda, que desde o primeiro ano do curso, os estudantes serão inseridos em equipes de saúde da família e iniciarão suas práticas no SUS (Sistema Único de Saúde), acompanhando as famílias ao longo da formação, trabalhando com promoção e prevenção. As atividades hospitalares começam no quarto ano do curso e as práticas serão supervisionadas por preceptores dos serviços de saúde e docentes da UniMAX.

Os convênios do Centro Universitário Max Planck com a Secretaria Municipal de Saúde de Indaiatuba e o Hospital Augusto de Oliveira Camargo garantem o desenvolvimento das práticas no Sistema de Saúde de Indaiatuba. A cooperação com o Hospital Sírio-Libanês responde pela qualificação do corpo docente e dos preceptores em metodologias ativas e em tecnologias inovadoras na assistência, gestão e educação na saúde. Já os núcleos de apoio aos docentes, estudantes e de gestão e avaliação curriculares garantem a qualidade e a atualização permanentes da formação. “O compromisso com a melhoria da saúde das pessoas por meio de uma medicina de excelência e humanizada é o principal valor da formação médica oferecida pela UniMAX”, ressalta a coordenadora.

 

DIFERENCIAIS DO CURSO DE MEDICINA

  • Formação ética, crítica e reflexiva;
  • Articulação entre ciência e humanização;
  • Currículo orientado por competência profissional;
  • Metodologias ativas em pequenos grupos;
  • Acompanhamento das trajetórias singulares de formação dos estudantes;
  • Laboratórios básicos e clínicos equipados com tecnologia de ponta;
  • Biblioteca com acervo atualizado e disponível para acesso remoto;
  • Carga horária protegida para estudos autodirigidos;
  • Práticas simuladas e no Sistema de Saúde desde o primeiro ano;
  • Preceptores e docentes acompanham as atividades no Sistema de Saúde;
  • Acompanhamento psicopedagógico do estudante;
  • Programas acadêmicos de extensão e pesquisa;
  • Docentes capacitados e;
  • Compromisso social com a qualidade da saúde em Indaiatuba e região.

CONHEÇA A COORDENADORA DO CURSO DE MEDICINA DE INDAIATUBA

A Dra. Valéria Vernaschi Lima possui graduação em Medicina pela Faculdade de Medicina de Marília (1984), mestrado em Saúde Pública pela Universidade de São Paulo (1994) e em Educação para Profissionais de Saúde pela Universty of Illinois at DSC_0232 (1)-EditedChicago (2001), doutorado em Saúde Pública pela Universidade de São Paulo (2000) e pós-doutorado na Escola Nacional de Saúde Pública – Fiocruz (2005). Atualmente é professora associada do Departamento de Medicina e do Mestrado em Gestão da Clínica da Universidade Federal de São Carlos – UFSCar. Tem experiência na área de Medicina, com ênfase em Educação de Profissionais de Saúde Médica, atuando principalmente nos seguintes temas: metodologias ativas de ensino-aprendizagem, aprendizagem baseada em problemas, organização curricular, currículo orientado por competência, avaliação de estudantes, avaliação de programas de saúde e de educação, gestão da clínica e educação permanente de profissionais de saúde.

CRÉDITOS:

Texto: Tatiane Dias (MTB 67029)

Fotos: Claudia Shirano e Maria Caroline Cabral