Nutrição realiza palestra para equipe de Ginástica Artística de Indaiatuba

Nutrição realiza palestra para equipe de Ginástica Artística de Indaiatuba

Projeto de atendimento nutricional é direcionado a atletas até 15 anos

O que são os alimentos? E as calorias, como atuam no organismo? Existe uma dieta específica para crianças que fazem atividade física? Essas foram algumas das questões abordadas durante a palestra realizada por alunos do curso de Nutrição para pais e atletas da equipe de Ginástica Artística de Indaiatuba. “O acompanhamento nutricional de atletas de alto rendimento deve ser específico e seguido à risca para obtenção dos melhores resultados. Então, essa oportunidade de os alunos atuarem com esse tipo de público é um diferencial relevante na carreira”, afirma a coordenadora do curso de Nutrição, professora Bianca Sant ’Anna Pires Luiz.

A parceria entre a equipe – formada por jovens atletas até 15 anos – e a MAX começou em março, com atendimentos nutricionais individuais. Alunos do 7º semestre de Nutrição, com a supervisão de professores e coordenadores, são os responsáveis pelo projeto. O encontro reunindo todos os participantes para a palestra aconteceu no Campus da MAX no dia 21.

“Dentro da nutrição esportiva existem distribuição calórica, índice e carga glicêmica, que são informações fundamentais para uma boa alimentação, ainda mais quando falamos de atletas. Por isso, apresentamos uma proposta de dieta para essas crianças”, explica o aluno de Nutrição Jorge Scarasati. “Nesses casos, a modalidade e a faixa etária são detalhes relevante e que podem ser decisivos para o desempenho desses atletas”, afirma o aluno Eduardo Miranda, que junto com Jorge realizou a apresentação.

Entre outras informações, os estudantes de Nutrição explicaram que os músculos trabalham de forma diferente e consomem energia de acordo com o tipo de exercício. Dessa forma, a alimentação deve ser muito bem controlada, principalmente porque para cada situação existem nutrientes mais adequados, com os efeitos de reduzir inflamação e riscos de lesões, dar mais energia, concentração e desempenho, melhorar o humor e a motivação das crianças tanto para treinar quanto para estudar.

Os técnicos das equipes feminina e masculina de Ginástica Artística, Cristiane Gurther e Bruno Noronha, também participaram da palestra. “Tenho uma aluna que não comia arroz com feijão. Talvez seja por isso que não consegue adquirir massa. Mas agora estou mais tranquila, porque ela mudou o hábito e parece estar melhor”, declara Cristiane.

Para Elaine Silva, mãe da atleta Emilly, a mudança na alimentação já produziu diferença. “Percebi que ela entendeu a importância e por conta própria alterou os hábitos. Ou seja, esse atendimento é muito bom, especialmente porque nem precisei ficar no pé, ela mesma tomou a iniciativa de mudar”, explica. Mãe do atleta Gabriel, Sirlene concorda. “O acompanhamento é muito bom. Estou bem satisfeita com o trabalho deles”, afirma.

 

 

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful