Núcleo de Estudos e Pesquisas Interdisciplinares

”É emergente construir pesquisas sob a ótica da interdisciplinaridade, superando as barreiras organizacionais existentes nas universidades organizadas em disciplinas que busque trabalhar em rede intra e interdisciplinares, para contribuir com o processo de desenvolvimento de políticas públicas que favoreçam o papel do Centro Universitário Max Planck – UniMAX como gerador de conhecimentos, práticas e reflexões. Não obstante, essa proposta deve considerar o empreendedorismo, uma sociedade mais liberta, contemplando desta forma, um novo modelo de gestão do conhecimento.” – Profª. Drª. Ana Maria Girotti Sperandio, Coordenadora Geral do NEPI.

Objetivos do NEPI

Considerando o exposto acima, o Núcleo de Estudos e Pesquisas Interdisciplinares (NEPI) tem os seguintes objetivos:

  • Promover, incentivar e estimular a produção científica para e entre professores e alunos;
  • Coordenar, monitorar e avaliar o desenvolvimento de projetos de pesquisa desenvolvidos nas linhas criadas;
  • Possibilitar a integração de docentes, pesquisadores, técnicos, alunos de graduação e pós-graduação nos projetos e nas atividades desenvolvidas;
  • Desenvolver a produção do conhecimento científico, interligando as atividades de ensino, pesquisa e extensão, promovendo o desenvolvimento de competências e habilidades de alunos e professores, propiciando a articulação entre a teoria com a prática;
  • Estimular e fortalecer a perspectiva da pesquisa multidisciplinar e coletiva, identificando temáticas de interesses comuns;
  • Permitir a criação de infraestrutura e de condições de trabalho adequados aos estudos e pesquisas;
  • Ministrar cursos a partir dos resultados sistematizados das áreas afins envolvidas;
  • Colaborar para o desenvolvimento da Região em que se encontram inseridos o Centro Universitário de Jaguariúna – UniFAJ e o Centro Universitário Max Planck – UniMAX de Indaiatuba;
  • Divulgar os resultados obtidos nos estudos e pesquisas do Núcleo na Intellectus Revista Acadêmica Digital, bem com em outras revistas nacionais e internacionais e em eventos.

Processos principais

Nesse sentido, o NEPI viabiliza a criação de Grupos de Estudos Transdisciplinares, e Interdisciplinares nas diferentes áreas de concentração: Saúde; Educação, Cultura e Sociedade; Ciências Exatas e Tecnológicas; Ciências Sociais Aplicadas. Sendo os Grupos coordenados por professores e abertos a alunos de graduação, pós-graduação, egressos, professores e pesquisadores externos.

Organograma NEPI

Editais NEPI

Grupo de Estudos

INTERDISCIPLINARES

Grupo de Estudos de Pesquisa de Métodos e Metodologias de Ensino (GPMME)
1. Apresentação

Ao longo da Formação do curso de Pedagogia, apresentam-se aos alunos uma diversidade de Métodos e Metodologias de Ensino para que possam ter o embasamento histórico, teórico, funcional e “noção” das práticas para que possam utilizar em sua vida profissional. Porém, há uma vasta dificuldade de compreensão real em relação a eficácia, escolha e possibilidade que esses Métodos e Metodologias demonstram na teoria.

O grupo tem como objetivo geral fazer um levantamento das diversas Metodologias e Métodos de Ensino, propondo discussões e práticas para compor o seu aprendizado melhorando o processo em suas vidas acadêmicas, assim como auxiliar na ampliação de conhecimentos para sua vida profissional.

2. Coordenador: Prof. Dr. Marcelo Alves Cerdan

Grupo de Estudos e Experimentação Gráficas Críticas da Cidade Contemporânea (GRAF.URB)
1. Apresentação

A relevância deste grupo de estudos para o campo dos estudos urbano parte de uma ambivalente justificativa: a necessidade de se analisar e produzir mais formas de experimentações gráficas e de compreende-las a partir de articulações coletivas. O anseio por pesquisar e propor grafias críticas nos leva a um intercâmbio entre pensadores, arquitetos, artistas e cineastas importantes para os estudos urbanos.

O Grupo de Estudos tem como objetivo geral realizar estudos gráficos manuais e digitais, como fotografias, colagens, vídeos, cartografias, dentre outros, com o intuito de enxergar de maneiras distintas variados problemas urbanos no contexto Região Metropolitana de Campinas.

2. Coordenador: Prof. Me. Gabriel Teixeira Ramos

Grupo de Estudos em Bioética (GEB)
1. Apresentação

O Grupo de Estudos em Bioética é formado por diversos profissionais de diferentes áreas do conhecimento para, em um contexto pluralístico e utilizando metodologia interdisciplinar, discutir e trabalhar os diversos componentes de vários setores de atividades conexas com a vida e a saúde do homem e discutir os variados conflitos éticos no contexto atual.

O Grupo de Estudos tem como objetivo promover a oportunidade de desenvolvimento de pesquisas de delineamentos diversos na área da Bioética.

2. Coordenador: Profa. Dra. Elisandra Villela Gasparetto Sé

Grupo de Estudos das Diversidades e Preconceitos (GEDIP)
1. Apresentação

Dada a importância que as questões que o direito ás minorias vem ocupando no mundo contemporâneo, faz-se necessário que se desenvolva projetos que contemple as questões relacionadas ao assunto, seja ele acadêmico ou prático.

O Grupo de Estudos tem como objetivo fazer um levantamento dos diferentes gêneros, sexualidades, identidades de gêneros e etnias que fazem parte da comunidade discente do Centro Universitário Max Planck e entender quais as vivências e dificuldades que esses grupos experimentam em suas vidas acadêmicas.

2. Coordenador: Prof. Dr. Marcelo Alves Cerdan

CIÊNCIAS EXATAS

Grupo de Estudos de Inteligência Cognitiva e Internet das Coisas (GE(IC)²)
1.  Apresentação:

O desenvolvimento de softwares com redes neurais e inteligência cognitiva vem crescendo juntamente com o desenvolvimento de novas tecnologias, além disso a internet das coisas está em expansão algébrica.

O Grupo de Estudos tem como objetivo construir estudos e pesquisar essas novas tecnologias para desenvolver projetos de engenharia.

2. Coordenadores: Dr. Rogério Augusto Gasparetto Sé; Prof. Esp. Leandro de Freitas Velozo.

Grupo de Estudos de Modelagem Computacional e Inteligência Artificial (GEMCIA)

1. Apresentação:

O GEMCIA visa desenvolver projetos e estudos que integrem as necessidades da indústria e da tecnologia aos métodos computacionais, auxiliando no desenvolvimento de análise computacionais e por intermédio da inteligência artificial que beneficie a sociedade com desenvolvimento tecnoloógico.

 

2. Coordenadores: Dr. Rogério Augusto Gasparetto Sé; Prof. Esp. Leandro de Freitas Velozo

Grupo de Estudos de Inovação Tecnológica (GEInTEC)
1. Apresentação:

O Grupo de Inovação Tecnológica busca desenvolver estudos que contemplem desenvolvimento e tecnologia por meio de estruturação da gestão e o desenvolvimento de projetos de engenharia e trazer subsídios de inovação.

2. Coordenadores: Dr. Marcelo Paes; Prof. Dr. Rogério Augusto Gasparetto Sé

Grupo de Estudos em Metodologias Práticas (GEMEP)
1. Apresentação:

O Grupo tem como objetivo estudar as práticas acadêmicas existentes nos cursos de Engenharia e promover sugestões de atualização para modelos de metodologias ativas baseadas em projetos interdisciplinares capazes de auxiliar de maneira lúdica o aprendizado da engenharia.

2. Coordenadores: Dr. Rogério Augusto Gasparetto Sé; Prof. Dr. Cleber Carvalho Pereira

CIÊNCIAS DA SAÚDE

Grupo de Estudos e Pesquisa sobre Adaptações Neuromusculares (GEPE)
1. Apresentação:

O GEPAN visa estudar e pesquisar os efeitos de intervenções  com exercício físico, seja de maneira aguda ou crônica, sobre as repostas adaptativas neuromusculares, o que abrange as capacidades físicas (Força, Flexibilidade, Potência, Velocidade, Equilíbrio, Coordenação, Agilidade e Resistência).

Sendo parte do GEPAN, os participantes serão encorajados a participarem não só dos projetos de pesquisa, mas também de reuniões onde serão discutidos conceitos teóricos e práticos relacionadas a temática. O Grupo de estudos se configurará em um ambiente propício de aprendizado e atualização de conhecimento. O GEPAN visa também a produção e divulgação de conhecimento científico através da apresentação dos  resultados em congressos e publicações em periódicos especializados.

 

2. Coordenador:  Prof. João Francisco Barbieri

Grupo de Estudos em Pequenos Animais (GEPA)
1. Apresentação:

O GEPA tem como objetivo realizar reuniões clinicas para discussão de casos clínicos e cirúrgicos na área de Pequenos Animais.

2. Coordenadora: Dra. Ciciane Pereira Marten Fernandes.

Grupo de Estudos de Animais Selvagens – Max Planck (GEAS)
1. Apresentação:

O GEAS proporcionará aos estudantes um espaço para convivência, troca de experiências, atuação em programas que visem à saúde pública e animal, produção técnico-científica, aperfeiçoamento técnico e capacidade de avaliação crítica do modelo de ensino-aprendizagem e atuação profissionais vigentes.

O grupo tem como objetivo realizar encontros quinzenais entre professores e estudantes de graduação do curso de Medicina Veterinária, a fim de promover m intercâmbio de conhecimentos, novas técnicas e conceitos acerca da atuação do profissional veterinário no manejo e na clínica médica de animais selvagens. Permitir ao estudante contato com o método científico.

2. Coordenadoras: Dra. Maria Fernanda Vianna Marvulo; Profa. Dra. Ariane Camargo Parra

 

Grupo de Estudos de Produção Animal (GEPRA)
1. Apresentação:

O GEPRA objetiva promover a maior integração dos alunos de graduação, em Medicina Veterinária, através da discussão de temas atuais relacionados a produção animal. Espera-se aprofundar as discussões, com os alunos, em temas não tratados em sala de aula; sanar dúvidas que possam surgir, por meio de apresentações e posterior arguição; estimular o aluno à prática da pesquisa acadêmico científica; desenvolver no aluno a tomada de decisão, o espírito do trabalho em grupo e a resolução de problemas.

 2. Coordenador: Dr. Fabricio Rogério Castelini

Núcleo de Estudos sobre o Consumo de Etanol (NECE)
1. Apresentação:

O objetivo deste grupo é avaliar e elucidar os mecanismos pelo qual o etanol causa seus danos. Para isso será feito uma vasta revisão da  literatura científica, onde espera-se elucidar os mecanismos pelo o etanol causa seus danos e formar colaboradores críticos.

 2. Coordenadora: Dra. Janaina Aparecida Simplicio

Grupo de Estudos e Pesquisa sobre Plantas Alimentícias Não Convencionais (GE/MAXPANC)
1. Apresentação:

O  Grupo de Estudos e Pesquisa sobre Plantas Alimentícias Não Convencionais visa estudar e pesquisar plantas alimentícias cujo o cultivo e consumo têm diminuído em todas as regiões do país, tanto em áreas rurais, como urbanas, sendo, em parte, resultado da globalização e do crescente uso de alimentos industrializados.

O Grupo tem como objetivo introduzir os discentes do curso de Nutrição e demais interessados na área da pesquisa científica tendo como foco de estudo nutrição funcional, através do conhecimento e prática sobre as PANC.

 2. Coordenadora: Dra. Bianca Sant’Anna Pires Luiz

Grupos de Estudos de Farmácia VIVA e Plantas Medicinais (GEFAPLAN)
1. Apresentação:

O objetivo do Grupo é estruturar a Farmácia VIVA, através da realização de atividades, cursos, palestras na área de plantas medicinais com alunos e população de Indaiatuba, esperando promover o uso racional e ajudar na implantação de Farmácias VIVAS em Indaituba.

 2. Coordenadora: Renata Cavalcanti Carnevali

Sistematização da Assistência de Enfermagem – Estudar a Assistência de Enfermagem a partir do Processo de Enfermagem (SAE)
1. Apresentação:

A sistematização da assistência de enfermagem estuda as etapas sequenciais do processo de enfermagem, organizado em histórico de enfermagem juntamente com o exame físico de enfermagem, diagnóstico de enfermagem, prescrição de enfermagem, implementação e evolução de enfermagem.

O grupo tem como objetivo estudar o processo de enfermagem e sua contribuição para a assistência sistematizada.

 2. Coordenadores: Dr. Alexandro Marcos Menegócio; Profa. Patricia Helena Breno Queiroz; Profa. Luciane Gatti Pivello Pereza

Grupo de Estudos Avançados do Envelhecimento (GEAE)
1. Apresentação:

O GEAE do Programa de Formação e Educação Continuada do Idoso – PROFECI da Faculdade Max Planck de Indaiatuba desenvolvido e administrado pelo Centro Educacional Perspectiva (parceria Grupo Polis Educacional) é um espaço voltado à reflexão crítica e à produção de conhecimento que desenvolve investigações explorando os estudo das bases sociais, biológicas e psicológicas do processo do envelhecimento.

O grupo tem como objetivo promover a oportunidade de desenvolvimento de pesquisas de delineamentos diversos na área de Gerontologia, contribuindo para a construção e reconstrução do conhecimento gerontológico tendo como perspectiva teórica o paradigma life span explorando o estudo das bases sociais, biológicas e psicológicas do processo do envelhecimento normal e patológico.

 2. Coordenadora: Dra. Elisandra Villela Gasparetto Sé

Grupo de Estudos de Suínos e Aves (GESA)
1. Apresentação:

O Grupos de Estudos de Suínos e Aves visa proporcionar ao discente ambiente para a discussão e troca de experiências, para o desenvolvimento de suas capacidades técnico-científico-humanísticas. Além disso terá a oportunidade de aplicar e discutir diferentes métodos de ensino-aprendizagem no contexto acadêmico e exercício profissional em acordo com a tríade pesquisa-ensino-extensão.

2. Coordenadores: Atilio Sersun Calefi; Ariane Camargo Parra.

CIÊNCIAS HUMANAS

Laboratório de Estudos Urbanos e Projetos Abertos (LUPA)
1. Apresentação:

O Grupo de Estudos tem como objetivo identificar as possíveis aplicações dos processos de Projeto Aberto para solucionar problemas em áreas de vulnerabilidade socioambiental. Para isso, é previsto o (i) diagnóstico de padrões de vulnerabilidade socioambiental, (2) o levantamento de um acervo técnico em soluções baseadas em PA, (3) a experimentação das mesmas e, (4) a construção de uma linguagem de padrões baseadas em soluções de PA.

 2. Orientador: Rodrigo Argenton Freire

Grupo de Estudos em Direito do Estado (GEDE)
1. Apresentação:

O tema do Grupo de Estudos foi escolhido pela necessidade de produção bibliográfica em Teoria  do Estados Brasileiro, apesar das ricas fontes existentes nas áreas afins. Os problemas enfrentados pelo Brasil  atual deitam raízes na formação das instituições políticas brasileiras, especialmente a partir do século XIX, quando surge nosso Estado. O desenvolvimento deste Grupo, com final publicação de artigo científico, contribuirá para elaboração de bibliografia específica na área de Teoria do Estado Brasileiro, que hoje se vale em muito de obras historiográficas; pelo que demonstra a relevância do trabalho proposto. E o estudo, em geral, da Teoria do Estado Brasileiro, colaborará para compreensão dos problemas brasileiros atuais e para o oferecimento de proposta de solução para esses mesmos problemas; pelo que se demonstra a atualidade da pesquisa.

2. Coordenador: Dr. Rodrigo Pires da Cunha Boldrini

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful