Mês de maio é pautado por várias atividades práticas do curso de Direito

Mês de maio é pautado por várias atividades práticas do curso de Direito

Eventos reuniram alunos de todos os semestres para ouvir especialistas de renome e temas da atualidade

Delação premiada, racismo e perícias judiciais foram os temas mais comentados entre os alunos de Direito da MAX durante o mês de maio. Isso porque os estudantes participaram de diversos eventos que trouxeram conhecimento relevante aos futuros profissionais, entre palestras com profissionais renomados, sessão de cinema e lançamento de livro.

“Os atuais acontecimentos em nosso país, exaustivamente divulgados pela mídia, deram visibilidade a esses temas. Por isso, por meio de diversos parceiros, entre eles a OAB de Indaiatuba, Prefeitura Municipal, Cine Topázio e Shopping Jaraguá, além do Centro Acadêmico Arno Preis, pudemos oferecer valiosas oportunidades aos alunos de se atualizarem”, explicou o coordenador do curso, professor Alexandre Soares Ferreira.

A programação começou no dia 02 de maio com a realização da palestra “A Justiça e a Delação Premiada”, conduzida pelo renomado professor Roberto Delmanto Júnior, Conselheiro Seccional da OAB/SP, autor dos livros Código Penal Comentado e Leis Penais Especiais Comentadas.

Iniciativa da 113ª Subseção da OAB Indaiatuba, o evento teve impacto profundo e positivo na aluna de 1º semestre de Direito, Priscila Araújo Simão. “Fiquei orgulhosa de poder ouvir um profissional tão especializado e receber tantos conhecimentos. Ele teve o cuidado de explicar sobre a origem do Direito e da Justiça, contando detalhes da Mitologia Grega para contextualizar os dias atuais. Gostei muito da dinâmica”, contou.

Colega de curso, Alexandre Peixoto Costa, também do 1º semestre, ficou muito satisfeito em participar da palestra. “O caminho que ele usou foi bem explicativo, didático, ficou fácil de entender o cenário que estamos vivendo. Ele abordou detalhes como a Lei de Talião, conhecida pela severidade da punição. E deixou questionamentos sobre a condução da Operação Lava Jato. Eu gostei muito porque a abordagem dele nos convida a entrar na cabeça dele e entender seu modo de pensar. Foi ótimo, não vi o tempo passar”, afirmou.

No dia 06, foi a vez dos estudantes conferirem uma exibição especial e exclusiva do documentário “Eu não sou seu Negro”, evento realizado pelo Centro Acadêmico Arno Preis com apoio da Faculdade Max Planck, Cine Topázio e Shopping Jaraguá.

As iniciativas continuaram no dia 08, com o lançamento do livro “Garantia de Direitos e Separação dos Poderes”, de autoria do professor Rodrigo Pires da Cunha Boldrini, Doutor em Direito do Estado, Pós-Doutorando em Teoria do Estado Brasileiro, autor do livro “Política e Direito como garantias da Constituição”, professor de Teoria Geral do Estado, Ciência Política e Direito Constitucional da MAX.

“O livro é um instrumento de fácil entendimento, com certeza uma ajuda muito importante para os juristas iniciantes. Ainda não tenho aula com o professor Rodrigo, mas já estou ansiosa e motivada em saber que poderei aprender com ele”, disse a aluna Camila Cristina de Azevedo, do 1º semestre.

No mesmo dia, os alunos conferiram aula e debate com ilustres convidados: Professor Titular Emérito Dalmo de Abreu Dallari e Professora Associada Maria Paula Dallari Bucci. “Eles trouxeram informações muito valiosas, extremamente jurídicas, mas bem compreensíveis. E foi muito motivador ver a atuação de pai e filha juntos”, complementou Camila.

A palestra “Perícias em Áudio e Vídeo – Aspectos Técnicos, Legais e Éticos”, com o renomado professor Ricardo Molina, realizada no dia 11, completou a programação. O evento também foi uma realização do curso de Direito em parceria com o Núcleo de Estudos de Direito Penal e Centro Acadêmico Arno Preis.

Com extenso currículo de perícias importantes, o especialista ficou conhecido por atuação em casos como a morte de PC Farias – assessor do ex-presidente Fernando Collor, a Chacina de Eldorado dos Carajás, o crime da Favela Naval e o acidente que matou os integrantes da banda Mamonas Assassinas, entre outros. Comumente é contratado para emitir laudos para órgãos como o Ministério Público Federal, CPIs do Congresso Nacional, além de departamentos de investigação de vários estados da federação e ainda órgãos de imprensa.

Para o aluno Alexandre, que é formado em Administração e Gestão Ambiental, a MAX está sendo cenário da realização de um desejo antigo. E os eventos só reforçam seus objetivos. “Fazer Direito é o sonho da minha vida. Então, todas as oportunidades que eu tiver de ter mais informações eu vou querer participar, com certeza”.

“Constatar a participação e o entusiasmo dos alunos em querer aprender mais nos mostra que estamos no caminho certo em oferecer um ensino estruturado e de qualidade, capacitando assim profissionais cada vez mais aptos a enfrentar os desafios do mercado de trabalho”, concluiu o coordenador do curso de Direito.

12/06/2017

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful