Estudantes de Direito realizam visita técnica ao Museu do Crime em São Paulo

Estudantes de Direito realizam visita técnica ao Museu do Crime em São Paulo

A visita teve como objetivo aprofundar conhecimentos sobre Medicina Legal

O Museu da Polícia Civil, conhecido como Museu do Crime, é um espaço que tem como objetivo expor e preservar a história da Polícia Civil por meio de relatos, documentos históricos, peças e entre outros itens. Pela relevância ao aprendizado de futuros advogados, a turma do 9º semestre do curso de Direito realizou visita técnica ao local no primeiro semestre.

A iniciativa reuniu 35 alunos e esteve diretamente ligada à disciplina de Medicina Legal. “A visita permitiu o entendimento sobre o conteúdo da disciplina, a fim de que os alunos pudessem ver instrumentos de crimes, fotos, produtos de roubos, drogas, máquinas de jogos ilegais, documentos históricos, esqueletos, peças em cera com lesões de interesse médico-legal e de investigação policial, cenários com representações de locais de crimes, móveis e instrumentos utilizados pela Polícia Civil, desde a década de 1950,” comenta a professora Lana Biletsky, responsável pela atividade.

Localizado atualmente na Academia de Polícia Dr. Coriolano Nogueira Cobra (ACADEPOL), o Museu apresenta um acervo de crimes famosos, como os do “Maníaco do Parque” (1998), do “Chico Picadinho” (1966), do “Bandido da Luz Vermelha” e do “Crime da Mala” (1928), que os alunos puderam acompanhar de perto. “Isso tem o condão de aproximar os alunos da vida prática profissional, especialmente para aqueles que têm interesse na carreira policial”, diz a docente.

A visita foi aprovada pelos estudantes. “A iniciativa foi bastante didática. A professora Lana ensinou a parte teórica em sala de aula. Então, quando visitamos o Museu e vimos toda a teoria posta em prática, foi bem interessante. Principalmente os nomes técnicos e as diferenças entre os institutos jurídicos que estudamos durante todo o semestre e, tratando-se de um museu, a visita tornou-se ainda mais peculiar, porque uma parte era real e as reconstruções semelhantes com a realidade”, afirma a aluna Bruna Letícia Ribeiro.

Em relação à disciplina, o aproveitando, segundo a estudante, foi muito positivo. “Todo aprendizado é extremamente importante para a carreira. Mas o interessante da disciplina de Medicina Legal é que consiste em uma matéria muito presente nas áreas do Direito, possibilitando a extensão e o diferencial do profissional. As aulas da professora Lana são excelentes e ao sentir facilidade para entender todos os assuntos, podemos concluir a importância de um professor na vida do aluno”, conclui a aluna.

Para o segundo semestre, está programada visita técnica ao Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo. Vale lembrar que as inúmeras visitas técnicas sem custos para os alunos, assim como eventos realizados pela Faculdade, entre eles seminários, congressos e semanas jurídicas, são diferenciais significativos do curso de Direito da MAX.

18/08/2017

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful