EGRESSA DE SUCESSO É TRANSFERIDA PARA UMA DAS FILIAIS DA MULTINACIONAL HELLA AUTOMOTIVE NOS EUA

EGRESSA DE SUCESSO É TRANSFERIDA PARA UMA DAS FILIAIS DA MULTINACIONAL HELLA AUTOMOTIVE NOS EUA

Formada em 2017 pelo curso de Engenharia de Controle e Automação, Stella Pinheiro Mariscal,  iniciou na empresa como estagiária

A egressa do curso de Engenharia de Controle e Automação da UniMAX – Centro Universitário Max Planck, Stella Pinheiro Mariscal, parte para mais um desafio em sua vida: atuar como engenheira de manufatura na filial da multinacional Hella Automotive na cidade de Flora em Illinois nos EUA (Estados Unidos da América). O sucesso da ex-aluna, na empresa, começou em 2016 com uma oportunidade de estágio indicada por um colega de sala. Depois de ser aprovada no processo, que incluía teste de inglês, concorrendo com vários candidatos, ela abandonou o emprego como compradora e embarcou numa nova carreira.

Stella conta que antes de completar um ano na Hella, ela foi efetivada e passou a exercer o cargo de analista de processos, assumindo a área de engenharia de manufatura da empresa, momento em que teve a oportunidade de fazer vários treinamentos, inclusive o que lhe abriu as portas da carreira internacional. “Teve um treinamento em que precisei ir para os EUA, em fevereiro, passei duas semanas lá, fiz amizade com muita gente e no último dia antes de eu vir embora, eles lançaram uma proposta, meio que na brincadeira, para ver o que eu respondia: ‘Você toparia vir?’ Eu disse: ‘Lógico, por que não?’”, lembra.

Poucos meses depois, surgiu uma vaga e uma colega do país  a informou. A entrevista em inglês teve duração de uma hora e meia. Depois, ela viajou novamente aos EUA para conhecer o trabalho, com todos os custos bancados pela empresa. A egressa comenta que o lugar onde está indo é uma pequena cidade do interior com cerca de cinco mil habitantes e que a filial da Hella sofre com a escassez de mão de obra qualificada no local. “Nas duas vezes em que estive lá, percebi que tinha muita gente com bastante tempo de casa e vários deles já se aposentaram esse ano”, diz. “Eles bateram bastante na tecla sobre o que eu esperava ser daqui dois ou três anos e eu falei que tinha muito a aprender. Eles queriam saber se eu queria algo mais, eu percebi que eles querem alguém que não seja apenas um engenheiro de manufatura, mas um líder ou um supervisor. Minha expectativa é crescer ainda mais”, acredita.

A egressa fala que a engenharia de manufatura é uma área nova na Hella do Brasil e que foi implantada a partir da sua chegada. Ela explica que o engenheiro de manufatura responde por tudo o que acontece na linha e todos os técnicos e operadores fazem parte da equipe do trabalho para melhoria de processos. Sua principal função é apontar melhorias de processos e trabalhar em cima de indicadores. “O conhecimento que adquiri na UniMAX foi tudo. Tem algumas pessoas que são mais voltadas para a parte técnica e outros para a administrativa como eu. A UniMAX contribuiu bastante sobre como saber lidar com as pessoas, porque no curso de Engenharia de Controle e Automação você tem uma base de tudo, mecânica, elétrica e eletrônica. Então conseguimos conversar sobre tudo. Aprendi muitas coisas que não sabia na parte técnica”, destaca.

Sobre sua escolha pelo curso de Engenharia de Controle e Automação da UniMAX, Stella revela ter se surpreendido com a área. “Não fazia ideia que algum dia fosse fazer engenharia, no meu antigo emprego fui vendo como faziam e comecei a me interessar e descobri: é isso que eu quero! Eu achava que engenharia era um bicho de sete cabeças, mas não era”, admite. Antes dessa opção, ela já havia iniciado uma graduação em Enfermagem, porém descobriu que não era o que gostaria de seguir, depois se graduou em Redes de Computadores, mas, nos últimos anos, antes de entrar para a Hella estava distante da área.

Do período de estudante, Stella recorda do suporte dado pela instituição por meio dos professores, que a auxiliaram no pouco conhecimento técnico que possua da área no início do curso. “Tenho uma proximidade muito grande com alguns professores daqui, principalmente,  com o coordenador, Leandro que foi meu professor, com o professor Sotelo e com a professora Rosane de Estatística, todos eles me ajudaram 100% em tudo o que eu precisei”, afirma.

Por fim, ela indica àqueles que querem iniciar um curso superior: “Façam inglês que é essencial em qualquer lugar. Hoje, você não consegue uma boa vaga ou um bom salário se você não tiver inglês”, recomenda.

VESTIBULAR 2019

Seguem abertas até o dia 19/10, as inscrições para o Vestibular 2019 UniMAX – Centro Universitário Max Planck. A prova será realizada no dia 21 de outubro (domingo) às 9h30.

Para se inscrever acesse: CLICK AQUI!

Mais informações pelo telefone: (19) 3885-9900 – UniMAX – Centro Universitário Max Planck.

 

 

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful