Alunos de Recursos Humanos realizam aula no Lean Manufacturing como desafio final

Alunos de Recursos Humanos realizam aula no Lean Manufacturing como desafio final

Divididos em grupos, os estudantes fizeram análise de empresa para tomada de decisão

Os concluintes do curso de Recursos Humanos encerraram o ano letivo de 2016 com um grande desafio: uma aula prática no rh_lean_3Laboratório Lean Manufacturing da MAX – espaço utilizado por muitas empresas para simular situações de risco, promover mudanças em planta industrial, reduzir custos e garantir melhoria contínua. O objetivo era desafiar os estudantes à tomada de decisão com base na simulação de dados.

A atividade fez parte da disciplina Liderança. “Baseado no case apresentado na prova, os alunos deveriam implantar todas as orientações para verificar a viabilidade do negócio. Desde o processo de recrutamento e seleção de candidatos, até a venda dos produtos”, explicou a coordenadora do curso, professora Carla Borges, responsável pela iniciativa.
O grupo de 65 alunos foi dividido em quatro grandes times que  analisaram cada passo proposto. Para isso, foram subdivididos em  áreas, como Departamento Pessoal, Gestão de Negócios, Área de  Custos e Departamento de RH. E utilizaram os recursos do Lean  Manufacturing para chegar aos resultados. “Através do game, eles  puderam visualizar como seria a nova fábrica, com sua ampliação, seus  processos e passaram a analisar a viabilidade, com influências como  crise financeira, novos mercados e as pessoas que já compunham a  empresa”, comentou a docente.

Segundo o aluno Lucas Vinicius Borges da Silva, a atividade permitiu  simular problemas que podem ocorrer nas organizações e analisar de maneira estratégica quais ações podem ser tomadas. “O laboratório possui uma infraestrutura que nos proporcionou uma visão holística de toda a situação e quais pontos são atingidos por aquele determinado problema, para que ele possa ser estudado e definido uma solução, levando em consideração quais os passos para essa implantação. Esses recursos ajudam na nossa formação, pois nós como Gestores de Recursos Humanos precisamos estar preparados diante das situações e problemas, para enfrentarmos e sabermos nos planejar diante dos interesses da empresa, garantindo o desenvolvimento contínuo da organização”, disse.rh_lean_4

A colega de sala Caroline Abacherly Perez também aprovou a iniciativa. “Conseguimos colocar em prática todo o conteúdo visto no semestre. Vimos como funciona uma empresa, especialmente no que diz respeito aos recursos internos e que devemos pensar em todos os colaboradores para uma tomada de decisão adequada”, declarou. “E nesse sentido, o quadro branco foi fundamental para fazermos as anotações e todos acompanharem”, completou Caroline.

Para a coordenadora, a atividade foi bem sucedida. “Os alunos puderam verificar que sem todos os dados visíveis, a tomada de decisão é precária e pode ser prejudicial para o negócio. Também, como foram divididos por áreas, vivenciaram como é uma reunião de negócios, quais recursos cada um poderia apresentar para atingir os resultados e a administração do tempo”, garantiu a professora Carla.

rh_lean_5Preparados para os desafios do mercado, os alunos valorizam o conteúdo apresentado durante os quatro semestres. “O curso de RH capacita o profissional a ingressar e atuar no mercado de trabalho. As aulas são dinâmicas e os professores sempre utilizam exemplos e estudos de casos recentes para que possamos assimilar as teorias, contendo as aulas práticas, em que colocamos em ação todas as técnicas aprendidas. Dessa forma, proporciona ao aluno uma bagagem para desenvolver estratégias e soluções para os problemas enfrentados pelas organizações atualmente”, declarou Lucas.

“Eu achei excelente o curso. Não tinha noção exatamente do que eu queria quando entrei, mas posso afirmar que me encontrei na área de Recursos Humanos. Entre outras atividades, gostei muito de ter participado do projeto em que dei palestras a adolescentes sobre como se preparar para o mercado de trabalho. Eu aprendi ensinando e praticando, e isso é fantástico”, concluiu Caroline.

rh_lean_2 Importante lembrar que a Max Planck foi a primeira faculdade no Brasil a investir  na integração das ferramentas jogo empresarial e software de simulação 3D – o  Lean Board Game©, que é uma ferramenta de ensino de Lean, Gestão Industrial,  Manufatura e Engenharia de Produção, baseada na metodologia PBL – Problem  Based Learning – Aprendizado por meio de Problemas, onde os participantes são  desafiados a melhorar o desempenho dessa fábrica, identificando gargalos,  restrições e desperdícios, e devem propor e implementar melhorias no processo  para que a fábrica fique mais produtiva e rentável. A Dinâmica ocorre em um  tabuleiro, onde estão o chão de fábrica, as informações e os indicadores de  desempenho, e no decorrer desta dinâmica, conceitos e ferramentas do Lean Manufacturing são introduzidos e praticados pelos participantes.

11/01/2017

Fotos: Claudia Shirano – Faculdade Max Planck.

 

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful