Alunos de Arquitetura e Urbanismo da MAX desenvolvem abrigo emergencial para pessoas em situação de rua

Alunos de Arquitetura e Urbanismo da MAX desenvolvem abrigo emergencial para pessoas em situação de rua

Um jantar oferecido pelos estudantes de Gastronomia marcou a entrega do item aos assistidos pela Prefeitura de Indaiatuba

Com intuito de oferecer qualidade de vida às pessoas que se encontram em situação de rua em Indaiatuba, alunos do 1º semestre do curso de Arquitetura e Urbanismo da Faculdade MAX PLANCK desenvolveram abrigos emergenciais com os mais diversos materiais para atender esse público.  Para marcar a entrega dos itens aos assistidos pela Prefeitura de Indaiatuba, um jantar foi oferecido pelos alunos do curso de Gastronomia.

Segundo a coordenadora do curso, professora Elena Furlan, a proposta vem do projeto Educar. “A proposta de elaborar um abrigo emergencial para as pessoas em situação de rua foi um desafio tanto para os professores quanto para os alunos. A proposta era oferecer conforto e segurança para os usuários e tentar melhorar a qualidade de vida deles dentro da nossa possibilidade. Foi interessante realizar esse projeto com o 1º semestre do curso de Arquitetura e Urbanismo pois neste momento os alunos estão conhecendo as dimensões do corpo humano, entrando em contato com o processo projetivo e desenvolvimento de desenho do objeto”, conta.

Para a aluna Ana Paula Rosa a atividade mostra uma nova perspectiva de atuação do profissional da área. “Eu achei que foi bem diferente, porque foi um projeto realmente social, ele volta a imagem para que o arquiteto tem que fazer, se preocupar em desenvolver projetos para sociedade para tentar melhorar as coisas e não só essa imagem que o pessoal tem de arquitetura atual, que é só para fazer casa para gente rica. Foi muito bom, porque a gente não fez só o projeto imaginário. A gente teve que criar em tamanho real. Quando você vai realmente criar o trabalho, vê que, às vezes, não dá certo,  tem que fazer outro projeto, é coisa que acontece. Também foi muito bom para gente criar empatia pelas pessoas, se colocar no lugar, pensar como é para eles para desenvolver projeto”, ressalta.

Ana Paula explica também sobre o abrigo que seu grupo criou: “O nosso projeto é muito fácil de fazer, é só dobraduras em papelão para formar o efeito sanfonado, então a pessoa mesmo pode fazer. Teve outro projeto de uma amiga nossa que tentou usar materiais recicláveis para que a pessoa tenha custo zero no projeto e ela mesma de repente com um workshop conseguir fazer sozinha”.

Do mesmo grupo, a aluna Érica Santos Oliveira partilha sua visão. “Também gostei por conta do material que a gente utilizou, uma coisa tão simples que a gente usou que é o papelão e conseguiu fazer algo que ajude outra pessoa. A Faculdade forneceu para gente todo o material. Tentamos utilizar o menos possível, só o papelão”, relata.

Durante a entrega, a professora Elena observou que não foram apenas os alunos que gostaram da ideia de produzir o abrigo, mas também às pessoas a quem o projeto foi destinado. “Eles gostaram bastante, como os alunos explicaram como funciona, ou seja, o processo de montagem e desmontagem dele, eles mesmo escolheram aqueles que mais se adequam às suas necessidades. Inclusive junto com a assistente social do CREAS explicamos que eles devem montar para dormir à noite, e recolher durante o dia. Por isso, alguns alunos desenvolveram como se fosse um carrinho, outros como uma mochila”, disse.

Presente no evento, a diretora do Departamento de Proteção Social Especial de Indaiatuba, Sandra Maria de Morais, falou sobre sua impressão sobre o desempenho dos universitários.  “Estão de parabéns, porque eles conseguiram realmente com esse projeto mostrar que podem oferecer para uma pessoa que realmente precisa de um local para dormir. O objetivo desse projeto é para os abrigos emergenciais diante de uma calamidade. Eles foram muito bem sucedidos, estão todos de parabéns, a professora, a direção do curso”.

Sandra agradeceu também aos estudantes do curso de Gastronomia pelo jantar. “Comida maravilhosa, deliciosa, e que eles tiveram essa oportunidade da integração, de interação com os alunos, em que teve momentos de descontração, eles ficaram bem à vontade”.

Na oportunidade, os estudantes doaram agasalhos às pessoas em situação de rua. “Na verdade foi uma iniciativa dos alunos, quando a gente falou que ia trazer eles aqui. Os alunos fizeram uma campanha, eles mesmos trouxeram agasalhos e distribuíram para eles. Eles abraçaram mesmo. Hoje foi um dia inesquecível com certeza, estou emocionada até”, salienta a coordenadora do curso.

31/07/2018

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful