Aluno de Sucesso de Educação Física vocação para atuar fazendo estágio em ONG

Aluno de Sucesso de Educação Física vocação para atuar fazendo estágio em ONG

Oportunidade permitiu a Jackson Oliveira Machado novas experiências profissionais e acadêmicas

O Centro de Inclusão e Assistência a Pessoas com Necessidades Especiais (CIASPE), foi fundado por um grupo de pais de crianças e adolescentes especiais e por voluntários, com objetivo filantrópico de promover o bem em prol da comunidade.  E contar com a colaboração de todas para continuidade do projeto é de extrema importância para continuidade da ONG.

E dentre as pessoas que são capazes de transformar o mundo em um lugar melhor está o aluno Jackson Oliveira Machado, estudante do 5º semestre do curso de Educação Física. “O CIASPE é uma Instituição que atende pessoas com deficiência física, Autismo, Síndrome de Down e Deficiência Intelectual e visa promover uma melhora significativa na vida dessas pessoas através dos seus programas de inclusão, inserção ao mercado de trabalho, oficina de artesanato, cursos de informática, fisioterapia, educação física e acompanhamento psicológico. Comecei o meu estágio com o objetivo de proporcionar aos alunos atividade física regular, incentivar a prática de esportes, melhorar equilíbrio, condicionamento físico e estimular o trabalho em grupo”, explica o aluno.

Jackson Machado, que faz o estágio há aproximadamente um ano, conta sobre a importância de realizar estágio no CIASPE. “Esse estágio é extremamente importante para mim e para a instituição, pois é através dele podemos melhorar consideravelmente a autonomia dos alunos e também a melhora na inclusão social através da prática de atividade física regular. Além disso, consigo praticar a profissão aplicando atividades de alongamentos, Iniciação a modalidades esportivas, jogos lúdicos, trabalhos em grupos, caminhadas, academia ao ar livre entre outros”.

O Assessor de Coordenação do curso de educação física, professor João Francisco Barbieri, explica sobre a importância da monitoria/estágio. “O projeto de monitoria é muito importante para a formação dos alunos, é um momento em que ele poderá executar na prática os conceitos teóricos vistos na faculdade. Sabemos que existe um distanciamento entre a compreensão de conteúdos mais abstratos e sua aplicação no ambiente profissional. É justamente este distanciamento que a Faculdade Max Planck tenta diminuir com sua metodologia de aprendizagem prática. O entendimento por parte do aluno sobre sua atuação prática faz com que se torne mais crítico e mais criativo, certamente são competências que o irão diferenciar em um mercado de trabalho tão competitivo como o que vemos hoje em dia”, explica.

A escolha do estágio possibilita ao estudante uma oportunidade de adquirir novas experiências, profissionais e pessoais. “A escolha do estágio foi pelo desafio de conhecer uma nova área na qual eu não possuía nenhuma experiência de trabalho prático. Aprendi muito sobre a educação física adaptada, aprendi muito sobre respeito e carinho entre as pessoas, aprendi a valorizar pequenas coisas, gestos e evoluções, eu realmente aprendi algo novo a cada dia, está sendo uma experiência maravilhosa. E está sendo muito prazeroso e produtivo, estou aprendendo muito a cada dia e me desenvolvo cada vez mais, essa área de trabalho me cativou. Esse é o meu 3º semestre seguido de estágio, tenho que passar pelo processo seletivo a cada semestre para me manter no estágio, e espero que consiga manter esse estágio até o fim do meu curso”, comenta Jackson.

“O aluno Jackson é um aluno maduro, já está cursando os semestres finais do curso de educação física e encontrou na monitoria (ele trabalha com crianças com necessidades especiais) sua grande vocação para atuar. É um aluno proativo e muito competente, o que gerou elogios da direção do CIASPE, desde os primeiros dias de trabalho”, explica João Barbieri.

O curso de Educação Física da Max Planck tem por objetivo formar o profissional preparado à atuação profissional, por meio das diferentes manifestações e expressões culturais da Educação Física, nas perspectivas da saúde, do lazer, da educação, do treinamento, da promoção e gestão de programas físico-esportivos. “A faculdade me da todo o suporte acadêmico e de matérias necessários  para a realização do projeto. As aulas práticas são importantes, pois servem de base para aplicar as atividades aos alunos, porém eu preciso aplicar as devidas adaptações para as atividades propostas. Creio que este é o principal o grande diferencial é o método de aprendizado proposto pela faculdade, estimulando metade de aulas prática e metade em aulas teóricas”, comenta o aluno.

Faça como Jackson Oliveira Machado. Seja um profissional de sucesso e transforme a vida das pessoas com seu conhecimento. Inscreva-se no Vestibular de Inverno 2018 da Faculdade Max Planck.  Todos os cursos da instituição possuem 50% de aulas práticas desde o início, corpo docente altamente qualificado e infraestrutura moderna, com salas de aulas e laboratórios equipados de acordo com as necessidades do mercado de trabalho. Agende sua prova ainda hoje! Terças e quintas-feiras, às 19h e aos sábados, 9h30. Acesse: www.faculdademax.edu.br. Max Planck a faculdade de Indaiatuba!

12/07/208

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful